Guia
Google My Business para pequenos negócios

Introdução ao Guia do Google My Business

O Google está em constante evolução para acompanhar as necessidades dos seus utilizadores e permanecer na vanguarda, e uma das maneiras é por meio do Google My Business.

Este guia está sempre em actualização e serve como base de conhecimento de marketing para quem tem um pequeno negócio, principalmente na área da restauração, comércio e serviços locais.

O Google My Business é a plataforma pela qual os consumidores podem pesquisar empresas e serviços perto deles por meio da Pesquisa do Google e do Google Maps. É crucial que as empresas locais, principalmente comércio e serviços com lojas e escritórios, criem uma conta do Google My Business e a optimizem para serem encontradas, se destacarem e serem escolhidas pelos clientes à procura de productos e serviços pertos de si.

Quer que tu tenhas um perfil ou não, podes estar confuso o que exatamente é o Google My Business. Escrevi este guia rápido para desmistificar as coisas e ajudar-te a colher os benefícios de um perfil do Google My Business. Fica a pergunta como usar o Google My Business?

O que é o Google My Business? É gratuito?

O Google My Business é uma ferramenta gratuita criada para ajudar as empresas a gerir a sua presença online na plataforma do Google. Uma conta do Google My Business pode ser considerada uma combinação de um perfil de diretório online e um perfil de uma rede social.

Assim como um diretório online, os proprietários das empresas criam e reivindicam a propriedade dos seus perfis no Google My Business e que preenchem com informações vitais, como horário, morada e fotos.

Assim como nas plataformas de redes sociais, os proprietários de empresas podem fazer publicações no perfil do Google My Business. Semelhante às histórias das redes sociais, estas publicações não são permanentes – elas são excluídas após 7 dias. Também semelhante às redes sociais, os clientes podem fazer upload de fotos da sua empresa no seu perfil sem deixar um comentário. No entanto, eles podem deixar um comentário, se quiserem.

Preciso de estar no Google My Business ?

Sim! Um perfil no Google My Business permite que o teu negócio apareça na Pesquisa do Google e no Google Maps e crie credibilidade instantânea com potenciais clientes que interajam com o perfil do teu negócio. Também podes usar a ferramenta de análise para saber como a tua empresa é encontrada no Google pelos os utilizadores e o que eles estavam a procurar.

Por meio de um perfil do Google My Business, podes partilhar detalhes importantes sobre o teu negócio, ajudar os clientes a aprender sobre tua marca e até comunicar diretamente com eles, o que ajudará a melhorar a tua classificação e atrair mais clientes para o teu negócio.

Por que o Google My Business é importante?

De acordo com os fatores de classificação da pesquisa local da Moz , o Google My Business está constantemente no primeiro lugar dos fatores de classificação na pesquisa de mapa local e também um factor significativo na pesquisa local orgânica.

Para obteres clientes através das pesquisas no Google é importante para a tua empresa e absolutamente necessário configurar e optimizar a tua conta do Google My Business.

A visibilidade na pesquisa local facilita a localização da tua loja/escritório pelos clientes. Os clientes que procuram empresas nos mapas do Google e na pesquisa local geralmente estão prontos para comprar.

Aqui está um exemplo do que aparece quando pesquiso ” cabeleireiro porto ” no Google. Neste exemplo, os resultados dos mapas do Google são exibidos acima dos resultados da pesquisa orgânica:

Note que os resultados dos mapas do Google nem sempre aparecem no topo, mas as pessoas tendem a clicar neles, mesmo que estejam mais abaixo na página. Bright Local fez um estudo  sobre o uso do Google My Business por parte dos consumidores e sites de empresas locais e descobriu que 64% usaram o GMB para encontrar detalhes de contacto de uma empresa local – e esse número provavelmente tem tendência a crescer.

O Google Maps facilita para os clientes ver exactamente onde estás e obter direcções para o local da tua empresa. Estar listado no Google Maps pode direcionar uma quantidade significativa de tráfego para a tua empresa local.

Ter uma conta do Google My Business também permite que os clientes deixem comentários para tua empresa. Os testemunhos são outro fator importante de classificação para o Google, portanto, poder acumular comentários também ajuda a ter uma classificação melhor na pesquisa local.

Se os clientes deixarem comentários negativos, poderás responder a esses comentários para resolver a situação. Ser proactivo e responder a comentários permite que os clientes saibam que a tua empresa se importa com eles, o que aumentará a confiança das pessoas em fazer negócios contigo.

Como colocar no Google Maps? Qual é a diferença entre o Google Maps vs Google My Business?

A resposta simples é: o perfil do Google Maps é o mesmo perfil do Google My Business.

Como mencionado acima, o Google My Business é apenas para os proprietários dos negócios. Os consumidores não criam uma conta, fazem login ou pesquisam no Google My Business; eles usam mapas e a pesquisa no Google. Os proprietários de empresas criam um perfil do Google My Business para que sejam exibidos nessas pesquisas. O Google My Business também fornece aos empresários ferramentas para obter informações sobre o seu público.

O Google Maps é o diretório online público e ferramenta de navegação que os consumidores usam para explorar e obter orientações sobre os produtos e serviços de que precisam. Um utilizador pode pesquisar no Google Maps, mas uma pesquisa regular no Google também extrai informações do Google Maps para a seção de resultados locais (localizada abaixo dos resultados da pesquisa paga e acima dos resultados orgânicos).

Qualquer pessoa pode usar o Google Maps e qualquer pessoa pode adicionar um local ao Google Maps . No entanto, para teres controle sobre o perfil de negócio, deves criar um perfil do Google My Business e reivindicar esse perfil.

Qual é a diferença entre o Google Plus e o Google My Business?

O Google Plus não é mais uma plataforma activa. Era a versão do Google de uma rede social, semelhante ao Facebook, onde as empresas podiam publicar atualizações de status, partilhar fotos e links e obter seguidores. De facto, o Google exigia que todas as empresas tivessem uma página do Google Plus. Os perfis do Google Plus não eram mais necessários depois do google activar publicações no Google My Business e uma interface de interação com o público.

Se eu criar mais de um perfil do Google My Business, melhorará a minha classificação?

Não – na verdade, isso prejudicará a tua classificação!

O Google quer sempre fornecer uma experiência superior para os seus utilizadores, o que requer informações relevantes, valiosas e precisas. Dito isto, tu não deves criar mais de um perfil do Google My Business. Criar perfis duplicados sob diferentes números de escritório ou de loja no mesmo endereço e / ou criar um novo perfil para cada serviço que ofereces não é uma prática recomendada e pode ter um efeito adverso na tua classificação no Google.

Se tu tens um negócio e só está num local, deverás associar apenas um perfil de empresa. Caso contrário, corres o risco de confundir os motores de pesquisa e os consumidores. Além de dificultar mais os consumidores a encontrarem a tua empresa online e offline, estes tipos de inconsistências também podem criar aos potenciais clientes uma primeira má impressão, desorganização e não profissional.

Se a tua empresa estiver mais que um local, poderás gerir vários perfis numa só conta.

Como Funciona o Google My Business?

Quem pode ter um perfil no Google My Business?

Embora a resposta possa parecer bastante simples, dependendo do tipo de negócio que possuis, a decisão pode nem estar nas tuas mãos. Isso ocorre porque o Google é muito específico sobre os tipos de empresas que podem ter perfis, visando manter os resultados de pesquisa limitados às empresas locais que os clientes podem visitar fisicamente ou empresas que se deslocam até aos clientes ou empresas que usam outros espaços para oferecer o produto/serviço. Para ajudar-te a descobrir se a sua empresa pode ou não colher os benefícios de um perfil do Google My Business, confira os requisitos do Google:

Localizações físicas

Estes são facilmente o tipo mais popular de perfis do Google My Business, porque muitos tipos diferentes de empresas podem se enquadrar nessa categoria. As empresas de localização física incluem restaurantes, lojas, cafés, bares, salões de beleza e muito mais. Em resumo, as empresas de localização física são aquelas que os clientes visitam pessoalmente para fazer uma compra.

Empresas Móveis

As empresas que realizam negócios visitando os locais físicos dos seus clientes, enquadram nesta categoria – embora ainda precisem ter um local de escritório para o qual os clientes possam ir, se necessário. Isso inclui empresas como trabalhadores manuais, serviços de entrega, eletricista, canalizador, exterminadores, serviços de limpeza ou qualquer outra empresa em que precisa de viajar até ao cliente.

Profissionais individuais

Se tens um negócio profissional, como médico, advogado, por exemplo, enquadras-te na categoria de profissionais individuais. Isso inclui até agentes imobiliários, com exceção daqueles que possuem apenas um site virtual e nenhum escritório. Desde que tenhas um local físico para o qual os clientes possam aceder, o Google permitirá que cries um perfil.

Empresas com área de serviço

Ao expandir um pouco mais as empresas móveis que abordamos acima, podes estar provavelmente a pensar: como podes mostrar aos clientes que atendes a área deles aquando de uma pesquisa no Google? Felizmente, o Google implementou “áreas de serviço” para que possas marcar que vais diretamente até aos teus clientes na aquela área, em vez de realizar negócios na tua loja/escritório.

A área de serviço permite que cries uma presença em todas as cidades em que ofereces serviços, aumentando o alcance e, ao mesmo tempo, permitindo que o teu negócio apareça em pesquisas no Google específicas do local. Um exemplo de empresa da área de serviço seria um restaurante que oferece também take-aways para os clientes que desejam desfrutar em casa.

Quem não pode ter um perfil do Google My Business?

Agora que abordamos todos os tipos de empresas que podem ter um perfil do Google My Business, vamos dar uma olhadela nas que não podem.

Comércio eletrónico e empresas somente on-line

Embora este possa parecer bastante autoexplicativo, muitas empresas de comércio eletrónico e online tentam obter perfis do Google My Business todos os dias simplesmente devido aos benefícios. Quebrando o requisito do Google de poder trabalhar pessoalmente com os clientes, empresas deste tipo não conseguem criar perfis , pois não conseguem interagir fisicamente com os seus clientes.

Escritórios Virtuais

Semelhante ao comércio eletrónico e às empresas on-line, os escritórios virtuais também não podem, pois não conseguem facilitar as interações com os clientes pessoalmente. Embora os escritórios virtuais possam ter números de telefone, horário de funcionamento e até mesmo um endereço para correspondência, como não há ninguém num local físico para interagir com os clientes, o Google não permitirá que cries um perfil verificado.

Propriedades

Isso pode ser um pouco complicado, pois as empresas imobiliário têm escritório(s)  e podem ter um perfil no Google My Business. O que não podes fazer neste tipo de negócio é criar uma perfil para as propriedades que estás vender ou alugar.

Negócios em sítios de terceiros

Se realizas negócios com os teus clientes num local que não possuis, o Google não permitirá que cries um perfil. Mesmo que te encontres pessoalmente com os clientes, já que não tens um endereço físico, isso é uma violação dos requisitos do Google.

Espaços de Coworking (exceção especial)

Os espaços de coworking servem como uma exceção especial às diretrizes do Google somente se determinadas condições forem atendidas. Para incluir o teu espaço de escritório de coworking no Google My Business, deves atender aos seguintes requisitos: deves alugar e ocupar um espaço de escritório, estar presente durante o horário de funcionamento, ter um número de telefone que coloca os clientes em contato com alguém da tua empresa.

Como faço para colocar o meu negócio no Google?

Para colocar a tua empresa no Google, deves configurar um perfil do Google My Business. Em seguida, podes optimizar o perfil para obter uma classificação mais alta nos resultados de pesquisa e ser escolhido pelos consumidores. O foco principal do Google por trás da criação da plataforma Google My Business é criar uma representação online precisa do mundo físico. Desde que tenhas isso em mente ao personalizar o perfil do teu negócio.

Como reclamar o meu perfil do Google My Business?

Para se inscrever ou reivindicar em uma conta do Google My Business , siga este link https://www.google.com/intl/pt-PT_pt/business/ e clique no botão para “Gerir agora”.

Depois de clicar no botão, o Google fará uma série de perguntas, começando pelo nome da tua empresa.  Também tens que inserir o endereço do teu negócio, número de telefone comercial e horário de funcionamento.

Upload também fotos e escreve uma descrição comercial atraente que incentive os clientes a visitar a tua localização. Uma descrição comercial forte e fotos de alta qualidade podem incentivar os clientes a clicar no teu perfil e a visitar a tua empresa.

Depois de preencher os formulários, o Google normalmente enviará um cartão postal para o endereço da tua empresa para confirmar a localização, às vezes é possível confirmar por telefone ou por email, mas são raras as vezes. O cartão postal terá um código que podes usar para confirmar que és o proprietário da empresa. Depois de inserires o código, a conta do Google My Business é confirmada e activada.

Outro aspecto importante a ser observado é que as pessoas podem sugerir alterações ou edições dos teus negócios no Google. Esse recurso permite que os consumidores alertem o Google se uma empresa fechar ou se as informações da empresa mudarem (já que os proprietários nem sempre atualizam as suas informações online).

No entanto, uma das desvantagens desse recurso é que concorrentes sem escrúpulos ou indivíduos mal-intencionados também podem alterar as tuas informações sem que sejas notificado. Verifica a tua conta do Google My Business periodicamente para garantir que as tuas informações comerciais estejam atualizadas e precisas.

Como optimizar o seu perfil do Google My Business?

A configuração da tua conta do Google My Business é um óptimo primeiro passo para obter tráfego a partir da pesquisa local.

Mas, para maximizar os teus resultados com o Google My Business, podes executar várias etapas para optimizar o perfil e ajudar a direcionar ainda mais tráfego da pesquisa local.

A optimização do perfil pode demorar um pouco, mas não é difícil. Qualquer empresa que queira ser competitiva na pesquisa local deve executar essas etapas.

Aqui estão algumas etapas simples que podes seguir para aumentar a eficácia do perfil do teu negócio no Google.

Nome comercial e informações básicas

Para o nome da empresa, o Google deseja que os proprietários da empresa insiram o nome da empresa real e nada mais. Evite usar slogans, informações de localização ou mencionar produtos no nome da empresa, a menos que sejam uma parte real do nome da empresa.

Alguns profissionais de SEO acreditam que adicionar palavras-chave ao nome da tua empresa o ajudará a ter uma classificação melhor. No entanto, GMB prefere o nome verdadeiro da empresa. Uma pesquisa rápida por termos como mostrará que várias empresas da classificação não têm a palavra-chave nos seus nomes.

Em vez disso, inclua as tuas palavras-chave na descrição da tua empresa e nas tags e no texto do título do teu site.

Preencha outras informações comerciais, incluindo horário comercial, endereço, site e número de telefone. Selecione a categoria de negócios certa para que o Google o classifique pelos termos certos.

O Google também pode fornecer outras opções, como menus, nas quais podes inserir informações específicas para o teu tipo de negócio. Para nome e informações comerciais, a parte mais importante desta seção é preenchê-la da maneira mais completa e precisa possível.

Descrição do negócio

O Google permite 750 caracteres para a descrição da empresa, mas apenas 250 caracteres serão exibidos nas versões curtas quando o espaço de exibição for limitado. Certifica-te de escrever uma descrição convincente nos primeiros 250 caracteres que possam ser autónomas. Mas também use o espaço restante para criar uma descrição mais longa, se achar que isso pode ajudar.

As descrições comerciais não devem conter linguagem autopromocional ou conteúdo ofensivo ou inadequado. Evite falar sobre promoções especiais que estás a oferecer no momento, existe outras formas no GMB de o fazê-lo. Também não podes para usar links na descrição, também existe como fazê-lo de outra forma.

Em vez disso, reserve um tempo para escrever uma descrição que reflita com precisão o que tua empresa oferece e destaque os principais pontos da tua “oferta” a potenciais clientes.

Faça uma pesquisa rápida e veja o que outras empresas escreveram para a descrição da empresa. Pense como podes escrever uma descrição que se destaque dos demais.

Fotografias e Vídeos

Segundo o Google , as empresas com fotos têm 42% mais solicitações de direcções e 35% mais cliques no link do site do que as empresas sem fotos.

O upload de fotos e vídeos de alta qualidade pode tornar a tua empresa mais atraente para clientes, mas não precisas ser um fotógrafo profissional ou editor de vídeo.

O Google recomenda que as fotos tenham pelo menos 720 x 720 pixels e salve no formato jpg ou png. Elas também devem ter no máximo 5 MB de tamanho.

Vamos dar uma olhadela nos tipos de fotos que podes usar:

Foto de capa

A foto de capa é importante porque é a foto mais importante mostrada no perfil da tua empresa. Essa imagem também é usada em miniaturas. Portanto, escolha uma imagem que faça te destacar dos concorrentes ou faça com que as pessoas queiram clicar no perfil

Foto de perfil

A foto do perfil é o que aparece no teu avatar quando publicas uma foto ou respondes a uma avaliação do cliente. O proprietário de uma empresa pode optar por fazer upload de uma foto de alta qualidade de si mesma como foto do perfil ou uma imagem de alta qualidade do logotipo da empresa.

Outras fotos

Upload também várias outras fotos para representar a tua empresa. Aqui estão algumas idéias que podes querer considerar:

  • Fotos do exterior da tua empresa
  • Fotos do interior da tua empresa
  • Fotos dos teus produtos mais populares
  • Fotos de clientes satisfeitos a desfrutar dos teus produtos
  • Fotos da tua equipa ou funcionários

Adiciona quantas fotos precisares para transmitir totalmente as tuas ofertas de produtos/serviços e o que tua empresa faz.

Tiveres muitas fotos ou vários locais de negócios, poderás fazer upload de fotos usando uma folha de cálculo.

Vídeos

O Google também permite que ponhas vídeos num perfil do Google My Business .

Adicionar um vídeo pode ser uma óptima maneira de envolver o teu cliente, mostrar a tua localização ou demonstrar o teu produto. Algumas idéias de vídeo podem incluir um tour pela loja, partilhar uma mensagem, filme clientes satisfeitos ou exiba alguns dos teus produtos.

Os vídeos podem ter no máximo 30 segundos de duração e 100 MB de tamanho . Eles devem ter resolução de 720p ou superior.

A maioria das empresas locais não possui vídeos no perfil do Google, portanto, não é realmente necessário. Mas reservar um tempo para criar e enviar um vídeo pode ser uma boa maneira de se destacar.

Como obter Avaliações/comentários no perfil do teu negócio no GMB?

Outro passo importante para também atrair mais pessoas é obter Avaliações/comentários no Google My Business.

De acordo com um estudo da Brightlocal , 91% das pessoas pesquisadas confiam nas avaliações online tanto quanto nas recomendações pessoais e 86% dos clientes lêem as avaliações online das empresas locais.

Para obter mais comentários, precisas de perguntar! Podes criar um link para fornecer aos teus clientes.

Em seguida, podes pedir às pessoas para deixarem comentários enviando um email a elas e simplesmente pedindo uma avaliação.

Pode ser tão simples quanto o seguinte:

Olá, [Nome do cliente],

Obrigado por ser nosso (a) cliente. Sabemos que tem muitas opções para [serviço], por isso estamos muito felizes que você nos escolheu.

Gostaríamos muito de receber os seus comentários sobre a sua experiência. Você tem um minuto para nos deixar uma rápida avaliação aqui?

[inserir link]

Muito obrigado e esperamos vê-lo (a) num futuro próximo.

Se tiver alguma dúvida ou comentário adicional, sinta-se à vontade para nos contactar e eu posso responder diretamente.

Atenciosamente,
[Nome]

Evite oferecer incentivos, como descontos ou produtos gratuitos, para fazer uma avaliação.

Responda a críticas positivas, quando apropriado, para agradecer aos clientes por seus negócios e mostrar a tua apreciação. Mas principalmente deves responder diplomaticamente a críticas negativas, pedir desculpas quando necessário e oferecer uma solução para o problema.

Mantêm-te envolvido com a tua conta GMB

A interacção pode ser um fator que afeta a classificação dos sites na pesquisa local do Google. Portanto, faça login na tua conta GMB periodicamente.

Revê a descrição da empresa, imagens e outros detalhes e actualize-os para melhorar o perfil, se necessário. Responder a comentários leva tempo, mas aumenta o envolvimento dos teus clientes.

 Como usar as publicações do Google My Business?

Um recurso que os utilizadores do Google My Business devem analisar são as publicações do Google. Estas permitem que os proprietários de empresas partilhem anúncios, ofertas, notícias e outros conteúdos no perfil do teu negócio.

Esse conteúdo pode aparecer na pesquisa do Google ou no Google Maps quando alguém faz uma pesquisa online no Google.

Alguns profissionais de marketing também acreditam que publicações no GMB pode ajudar as empresas a ter uma classificação mais alta nos resultados de pesquisa orgânica. Num estudo de um caso, uma agência de marketing aumentou com sucesso o tráfego orgânico e rankings de pesquisa para uma garagem local e uma igreja ao criar duas mensagens no GMB por semana durante um período de 3 semanas.

O Patient Pop também testou o Google Posts com os seus clientes e descobriu que o uso do Google Posts aumentou o número de consultas agendadas em uma média de 11%.

Então, que tipos de conteúdo podes criar? E como podes optimizar os teus resultados?

Vamos dar uma olhadela…

Publicações do evento vs. Publicações regulares

As Publicações do Google permitem criar Publicações regulares ou Publicações em eventos. As Publicações devem ter no mínimo 100 palavras e no máximo 300 palavras.

As Publicações regulares expiram após 7 dias e podem ser usadas para anúncios de promoções, notícias ou actualizações de status. Como as Publicações regulares do Google duram apenas 7 dias, idealmente, deves criar pelo menos uma nova publicação por semana.

As Publicações do evento duram até o final do evento, para que eles possam direcionar os clientes pelo período de tempo necessário.

Ambos os tipos de Publicações podem ser úteis para direcionar o tráfego online para o teu site e loja/escritório. Além de aparecer no seu perfil comercial do Google, as Publicações do Google também são indexadas e podem aparecer nos resultados de pesquisa independentes.

O Google também permite que agendes as tuas Publicações no Google com antecedência ou salve-as como rascunhos para que possas publicá-las posteriormente. 

Adicionando imagens às Publicações do Google

Outro ótimo recurso do Google Posts é a capacidade de adicionar uma imagem à sua publicação. A adição de uma imagem pode aumentar as taxas de cliques e o envolvimento do utilizador, portanto, aproveite este recurso.